Ensino de análise do comportamento com o uso de questões sociocientíficas: um caso sobre a medicalização da vida

  • Tiago Alfredo da Silva Ferreira Universidade Federal da Bahia
  • Felipe Melo Souza Santos Faculdade Ruy Barbosa
  • Mateus de Mattos Souza Universidade Estadual de Feira de Santana
  • Maurício Cardoso Borges Lacerda Moura Faculdade Ruy Barbosa
  • Nei de Freitas Nunes-Neto Universidade Federal da Bahia
Palavras-chave: Análise do Comportamento, Medicalização da Vida, Ensino de Ciências, Questões Sociocientíficas, Ensino de Psicologia

Resumo

A educação científica sob um viés tecnicista e de mera transmissão de conhecimentos acumulados, desde uma perspectiva descontextualizada em termos históricos, filosóficos e sociais tem enfrentado diversas críticas. Neste contexto, as questões sociocientíficas surgiram como uma estratégia didática alternativa, no sentido, sobretudo, de contextualizar socialmente o conteúdo científico, nas aulas de ciências e nos cursos de formação de cientistas. Este artigo tem por objetivo analisar e discutir a utilização de uma questão sociocientífica no ensino de Análise do Comportamento, no que concerne à mobilização de conteúdos conceituais, procedimentais e atitudinais. O estudo focalizou uma turma em um curso de graduação em Psicologia, em Salvador (Bahia, Brasil). Tratando-se de um estudo exploratório inicial, a Questão Sociocientífica consistiu na utilização de um caso acerca da medicalização da vida, bem como de perguntas acerca do mesmo, com a função de organização dos conteúdos atitudinais, procedimentais e conceituais abordados na disciplina. A interpretação dos dados gerados fundamentou-se na análise de conteúdo, avaliando-se também o quanto os alunos alcançaram os objetivos de aprendizagem dos conteúdos propostos. A análise dos dados indica que a utilização de uma Questão Sociocientífica possibilitou uma mobilização significativa e contextualizada dos conteúdos conceituais, procedimentais e atitudinais, permitindo aos alunos um entendimento crítico e autônomo do significado dos conteúdos trabalhados na disciplina para a inserção social do psicólogo em contextos profissional, acadêmico e cotidiano.

Publicado
2016-07-05
Secção
Integração de conteúdos CTS nos currículos nos países Ibero-americanos