A Revista Indagatio Didactica constitui-se num espaço editorial da responsabilidade do Centro de Investigação Didática e Tecnologia na Formação de Formadores (CIDTFF/UA), em que a investigação, produzida fundamentalmente por académicos e professores, nacionais e internacionais, é usada e transformada para promover práticas profissionais de inovação em contextos educativos diversificados. 

Trata-se de uma revista online, dirigida a professores e formadores, que pretende proporcionar situações de comunicação entre os autores dos textos (investigadores, formadores e professores) e a generalidade da comunidade educativa, visando o desenvolvimento do espírito de indagação e ação críticas, pela descoberta de relações entre o conhecimento criado pelo autor do texto e o conhecimento dos leitores sobre as realidades com que convivem e em que atuam.

Indexada em: CAPES/QUALIS, categoria ENSINO, B2 (2015) | RCAAP (Repositórios Científicos de Acesso Aberto de Portugal)

Acesso aberto

A Revista Indagatio Didactica é de acesso aberto incluída nos Repositórios Científicos de Acesso Aberto de Portugal - RCAAP.

Todos os números editados e a cada artigo publicado a Revista atribui um DOI (Digital Object Identifier).

Pagamentos

A Revista Indagatio Didactica não cobra nenhum pagamento pela publicação dos artigos.

Licenças e Direitos de Autor

A Revista Indagatio Didactica tem os requisitos da licença CC BY-NC 4.0

Todos os artigos publicados na Revista Indagatio Didactica devem ser originais. Os autores mantêm os direitos de autor pelo seu trabalho, cedendo os direitos da primeira publicação à Revista. Para a sua reprodução noutra Revista é exigida a autorização da Equipa Editorial da Revista Indagatio Didactica.

Ética e Más Práticas

A Revista Indagatio Didactica adere aos princípios de ética delineados pela COPE - Committee on Publication Ethics.

Todas as propostas de artigo submetidas com suspeita de não cumprirem aqueles princ´ípios são rejeitadas.

Igualmente serão rejeitadas todas as propostas em que for detetado plágio.