Análise crítica do material pedagógico de ciências produzido pela Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro – Brasil

  • Luciana Maria de Jesus Baptista Gomes Secretaria de Educação do Rio de Janeiro; Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca
  • Roni Costa Ferreira Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca
  • Sergio Eduardo Silva Duarte Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca
Palavras-chave: CTS, Currículo, Ensino de Ciências, Ensino Fundamental

Resumo

O campo de estudos em ensino de ciências no Brasil, apesar do tradicionalismo resistente, tem se desenvolvido através de centros acadêmicos e de uma rede de profissionais que compartilham e priorizam a cultura CTS como um diferencial na formação de cidadãos mais conscientes e críticos. Realizou-se um estudo no material pedagógico, denominados Cadernos Pedagógicos de Ciências, do Ensino Fundamental II, produzidos pela prefeitura da cidade do Rio de Janeiro, a fim de se apurar a conformidade do seu conteúdo com os pressupostos do CTS-Brasileiro. Constatou-se que a interdisciplinaridade e a construção de temas que possam atrair o interesse dos alunos, estimulando uma participação mais ativa, necessitam de maior adequação. Os problemas sociais e éticos, ainda carecem de maior destaque no material analisado. Apesar das dificuldades encontradas, a iniciativa demonstra preocupação em despertar o pensamento crítico e reflexivo e contribuir para uma alfabetização científica humanizada e preocupada com os problemas sociais, políticos e econômicos do século XXI.

Publicado
2016-07-05
Secção
Integração de conteúdos CTS nos currículos nos países Ibero-americanos