Construindo saberes docentes na formação didático-pedagógica de licenciados em Química através do enfoque CTSA

  • Marilei Casturina Mendes Sandri Instituto Federal do Paraná – campus Palmas
  • Ourides Santin Filho Universidade Estadual de Maringá – Paraná
Palavras-chave: Licenciatura em Química, enfoque CTSA, saberes docentes

Resumo

O presente trabalho refere-se a uma pesquisa-ação realizada na disciplina de Metodologia do Ensino de Química, com 15 acadêmicos do curso de Licenciatura em Química de uma instituição pública de ensino superior do Estado do Paraná – Brasil. Para sua realização foi aplicada uma sequência didática (SD), apoiada nas orientações de Zabala (1998), que tratou do movimento CTSA e sua abordagem para o ensino contextualizado de Química, visando desenvolver nos licenciandos saberes conceituais, procedimentais e atitudinais. Neste trabalho deter-se à análise conceitual e procedimental. Os dados foram obtidos através de: i) questionários com questões abertas, para identificar as concepções prévias e finais dos acadêmicos acerca das finalidades do ensino de Química; ii) unidades didáticas produzidas pelos licenciandos, para avaliar a aprendizagem procedimental. A análise, de natureza qualitativa, fundamentou-se na Análise Textual Discursiva (Moraes & Galiazzi, 2011). As análises demonstram que a SD teve alcances significativos em relação a problematização das concepções iniciais dos acadêmicos, predominantemente simplistas/ reducionistas, porém, os dados ainda indicam dificuldades no tocante aos conteúdos procedimentais, referentes ao “saber fazer”. Tais dificuldades mostraram-se vinculadas principalmente a deficiências relacionadas ao conhecimento específico dos conteúdos químicos e prevalência de posturas conservadoras e centralizadoras em relação ao processo de ensino e aprendizagem. Os resultados permitem inferir que a inserção de propostas diferenciadas de ensino nos cursos de licenciatura devem ser persistentes e transversalizadas, de modo a romper gradativamente com concepções e modelos docentes cristalizados durante a sua formação escolar e universitária, ajudando-os assim, a adquirir os saberes necessários às demandas atuais da educação.

Publicado
2016-07-05
Secção
Formação de Professores – Que avanços e boas práticas partilhar?