Enfoque Ciência-Tecnologia-Sociedade-Ambiente e aprendizagem colaborativa envolvendo filhos de agricultores de café arábica numa escola pública no Brasil

  • Tadeu Davel Mognhol Secretaria de Estado da Educação do Espírito Santo
  • Larissa Merizio de Carvalho Instituto Federal do Espírito Santo
  • Sidnei Quezada Meireles Leite Instituto Federal do Espírito Santo
  • Vilma Reis Terra Instituto Federal do Espírito Santo
Palavras-chave: Aprendizagem colaborativa, pedagogia de projetos, ciências da natureza, educação CTS/CTSA, sustentabilidade

Resumo

O objetivo desse trabalho foi o de estudar o potencial pedagógico do enfoque Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente (CTS/CTSA) no desenvolvimento do projeto escolar “Café do Imigrante”, extracurricular, que consistiu na construção de memórias sobre a produção de café no município de Venda Nova do Imigrante, Espírito Santo, Brasil. Esse projeto escolar teve quatro etapas, a saber: (1) a formação da equipe de trabalho (8 alunos pré-selecionados); (2) oficinas para fomentar o desenvolvimento do projeto; (3) o desenvolvimento do projeto; e (4) a conclusão do projeto com um seminário local. Tratou-se de uma investigação qualitativa, tipo estudo de caso, cujos dados emergiram de observações, análise de documentos oficiais, visita aos espaços de educação não-formal, entrevistas de grupo focal e questionários aplicados aos sujeitos. Foram analisadas as etapas do projeto escolar na perspectiva da aprendizagem colaborativa, baseado em Gokhale,
Calderano, Marques & Martins, e na perspectiva das questões sociocientíficas com enfoque CTS/ CTSA, foram analisadas com base em Santos & Auler, Sadler, Aikenhead, Reis & Galvão. Entre outras coisas, o enfoque CTS/CTSA propiciou ao projeto escolar compreensão das conexões entre as atividades econômicas ligadas à produção de café com os conteúdos programáticos das disciplinas de ciências naturais.

Publicado
2016-07-05
Secção
Literacias e Sustentabilidade – E depois das Décadas?