O uso do material manipulável Tabuleiro Decimal na compreensão dos sentidos da operação aritmética subtração

  • Rita Neves Rodrigues Instituto Politécnico de Coimbra, ESEC, NIEFI
  • Cecília Costa Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, ECT & CIDTFF https://orcid.org/0000-0002-9962-562X
  • Virgílio Rato Instituto Politécnico de Coimbra, ESEC, NIEFI, UNICID
  • Fernando Martins Instituto Politécnico de Coimbra, ESEC, NIEFI, UNICID & Instituto de Telecomunicações, Delegação da Covilhã https://orcid.org/0000-0002-1812-2300
Palavras-chave: 1.º Ciclo do Ensino Básico, materiais manipuláveis, sentidos da subtração

Resumo

O uso de materiais manipuláveis em sala de aula é apontado por diversos autores como uma solução para promover aprendizagens ativas e significativas junto dos alunos. O recurso a estes materiais permite que os alunos visualizem e manipulem o objeto, promovendo a compreensão dos processos inerentes aos princípios mais abstratos da matemática. Aquando da realização de um estágio no âmbito do Mestrado em Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico (CEB) e de Matemática e Ciências Naturais do 2.º Ciclo do Ensino Básico, tornaram-se evidentes nos alunos, de uma turma do 1.º ano do 1.º CEB, dificuldades relacionadas com a resolução de situações problemáticas que envolviam a operação subtração. Assim, desenvolveu-se um estudo qualitativo, de índole interpretativa e com um design de investigação-ação, que pretendia responder à questão de investigação: de que modo o uso do Tabuleiro Decimal influencia a compreensão dos alunos sobre os sentidos da operação aritmética subtração e os princípios fundamentais do sistema de numeração decimal? Através dos dados analisados foi possível verificar a evolução da compreensão dos alunos relativamente aos sentidos da operação subtração e aos princípios do sistema de numeração decimal. Conclui-se que a utilização do material manipulável Tabuleiro Decimal potenciou o desenvolvimento da compreensão destes conteúdos por parte dos alunos.

Publicado
2021-07-28
Secção
Desenvolvimento curricular e didáctica