Matemática no 1.º ciclo: aprendizagem fora da sala de aula

  • Lina Fonseca Instituto Politécnico de Viana do Castelo, Escola Superior de Educação , CIEC–Centro de Investigação em Estudos da Criança, Universidade do Minho  https://orcid.org/0000-0001-8034-453X
  • Catarina Fernandes Instituto Politécnico de Viana do Castelo, Escola Superior de Educação
Palavras-chave: matemática, aprendizagem fora da sala de aula, contexto não formal, conexões, trabalho colaborativo

Resumo

Atrair alunos do 1.º ciclo do ensino básico para aprendizagem da matemática é desiderato da escola, mas é tarefa que não se tem revelado fácil. As conexões entre diferentes áreas de saber e recurso a contextos não formais pode ser um meio de o atingir. No sentido de responder a este desafio, desenhou-se um estudo que pretendeu perceber como a aprendizagem da matemática, fora da sala de aula, podia envolver e motivar os alunos, bem como desenvolver a sua capacidade de comunicar. Os resultados mostraram que o trabalho fora da sala de aula e tarefas envolvendo diferentes áreas curriculares e a vida real influenciaram positivamente os alunos que se mostraram mais empenhados e motivados. 

Publicado
2021-02-11
Secção
Desenvolvimento curricular e didáctica