Cultura educomunicativa e novas criações narrativas – A utilização do vídeo e de linguagem storytelling em contexto educativo

Palavras-chave: Educomunicação, Vídeos educativos, Narrativa audiovisual, Ensino Secundário

Resumo

O presente artigo apresenta um panorama sobre a construção narrativa dos vídeos educativos voltados aos estudantes de Ensino Secundário (chamado Ensino Médio no Brasil) mais acessados na plataforma YouTube. Esta pesquisa, de abordagem qualitativa, tem como objectivo geral investigar as características dessas narrativas nos mais diversos vídeos utilizados como recurso didático-pedagógico em diferentes contextos. No percurso metodológico, o estudo foi delineado pela análise de conteúdo do material selecionado com base em quatro parâmetros, estabelecidos de acordo com as particularidades da linguagem audiovisual, que se constituem em: aspetos técnicos e estéticos do vídeo educativo, linguagem, roteiro e imagem e edição. A partir dos dados levantados, observa-se que as videoaulas tendem muito mais para o gênero informativo e interpretativo, assim como a aula presencial, salvo temas abordados com uma orientação mais opinativa do professor/youtuber. Identifica-se também a existência de espaços a serem ocupados pela educação formal a partir da relação dinâmica existente entre os vídeos e a linguagem Storytelling, além da necessidade de inclusão de novas formas narrativas no processo de ensino e aprendizagem para um perfil de estudantes que não faz uma divisão rígida entre ensino formal e informal. No entanto, o destaque do estudo fica pela percepção de que há uma inovação nos formatos de se ensinar com o objectivo de acompanhar as novas maneiras de se aprender a partir das ferramentas tecnológicas, inovação que se consolida principalmente pela atuação dos professores, que usam características de youtubers sem perder a metodologia de ensino.

Publicado
2021-07-28
Secção
Tecnologias da informação em educação