A revista Espeleo Divulgação foi fundada em 1982, pelo Núcleo de Espeleologia da Universidade de Aveiro, visando preencher uma lacuna no conhecimento e inventariação do património espeleológico Português.

Actualmente, é uma publicação periódica de acesso livre, na área da Espeleologia, editada pela Universidade de Aveiro.

A revista Espeleo Divulgação está disponível em formato de papel e electrónico. Está vocacionada para a comunidade espeleológica e especialistas nas áreas científicas afectas à Espeleologia, bem como público em geral.

A revista promove a divulgação técnica e científica do meio subterrâneo em geral e das cavidades naturais em particular. A revista aceita artigos integralmente originais, topografias de cavidades, relatos de expedições e explorações, assim como versões simplificadas ou modificadas de artigos científicos em áreas relevantes para o meio subterrâneo. Resumos e críticas de livros, teses e discussões técnicas serão também considerados para publicação, desde que se enquadrem no âmbito da revista. São aceites trabalhos em inglês, português e espanhol.

As áreas principais da Espeleo Divulgação são: a inventariação, mapeamento e descrição do património espeleológico, geologia, arqueologia e biologia do meio subterrâneo, focado sobretudo nas cavidades naturais cársicas e pseudocársicas, incluíndo as vulcânicas.